Corujinha 01
Destaques

      Corujinha 02
Ajuda Humanitária.


      Corujinha 03
Animais.


      Corujinha 04
Artesanato de lixo reciclável.


      Corujinha 05
Casa.


      Corujinha 06
Ciência.


      Corujinha 07
Como Surgiu.


      Corujinha 08
Curiosidades.


      Corujinha 09
Drogas.


      Corujinha 10
Ecologia.


      Corujinha 11
Esportes.


      Corujinha 12
Filmes.


      Corujinha 13
Instrumentos Musicais.



      Corujinha 15
Mamães e Bebês.


      Corujinha 16
Maquiagem.


      Corujinha 17
Mitos e Verdades.


      Corujinha 18
Notícia no Mundo.


      Corujinha 19
Novo acordo Ortográfico.


      Corujinha 20
Paisagismo e Jardinagem.


      Corujinha 21
Pescaria e piscicultura.


      Corujinha 22
Politica.


      Corujinha 23
Primeiros Socorros.


      Corujinha 24
Receitas.


      Corujinha 25
Salve o Planeta e a Biodiversidade!


      Corujinha 26
Saúde.


      Corujinha 27
Sexualidade.


      Corujinha 28
Situações Diárias.


      Corujinha 29
Sociedade.


      Corujinha 30
Tecnologia.


      Corujinha 31
Turismo, Lugares, Viagens.


      Corujinha 32
Universo.


      Corujinha 33
Vida e diversidades.


Jardim Seguro.

Orçamentos de Laguinhos www.laguinhos.com.br
Monte em instantes o orçamento para seu laguinho.


Filtros Biológicos www.fontesechafarizes.com.br
Veja on-line que custa muito pouco acabar com as algas.


Anti-algas e Anti-Cloro www.filtrouv.com.br
O fim das algas em seu lago.

                                                           

O ideal é que seja feita uma consulta com um profissional qualificado. Mas como isso nem sempre é possível, convém pesquisarmos quais são as plantas que não devem ser usadas, pois muitas delas podem causar graves intoxicações quando ingeridas ou reações alérgicas se tocadas.
As plantas tóxicas mais comuns em nossos jardins são as azaléias (Rododendron), comigo-ninguém-pode (Dieffenbachia amoena), copo-de-leite (Zantedeschia aethiopica), alamandas ( Allamanda cathartica), crótons, giestas, mamona, praticamente todas as plantas do gênero Euphorbia (coroa-de-cristo e bico-de-papagaio), e muitos cactos, por causa do látex leitoso que expelem ao serem cortadas, sendo este um bom indicativo de toxicidade.
Os cães principalmente filhotes são muito curiosos a qualquer novidade colocada no jardim, e podem mastigar e engolir partes destas plantas. Em caso de intoxicação convém guardar a planta ingerida e procurar imediatamente orientação médica. Outra dica para quem tem cães, é evitar misturar torta de mamona e farinha de osso para fazer adubação. A farinha de ossos atrai os cães e como a torta de mamona é tóxica, isso pode provocar intoxicação nos cães.
No caso das crianças o melhor é orientá-las sobre o perigo que as plantas podem causar, e desestimulá-las de provar folhas ou frutos desconhecidos.
Outro problema também relativo às plantas são aquelas que possuem folhas pontiagudas, como algumas espécies de bromélias, agaves e cactos. Estas devem ser evitadas pelo risco de uma criança ou adulto com necessidades especiais, vir a cair sobre elas provocando cortes e arranhões na pele ou olhos.
Devemos observar também o tipo de piso utilizado em calçadas e outras áreas de circulação no jardim. Lajotas devem ser antiderrapantes, principalmente nas áreas molhadas como bordas de piscinas. Os dormentes muito utilizados nos jardins, apesar de bonitos podem se tornar escorregadios em dias de chuva, devendo portanto ser evitados.
Um fator importante que não deve ser esquecido é quanto a disposição das plantas junto ao portão de entrada da residência. Infelizmente, devido à violência nas grandes  e também nas pequenas cidades, devemos evitar arbustos e árvores grandes na entrada, onde alguém possa ficar escondido e surpreender o morador na chegada a sua residência.
Observando estes quesitos, podemos planejar áreas verdes mais seguras, tornando nossos momentos de lazer mais tranqüilos e agradáveis.

Por: Ana Batezati.
Ana Paula e Equipe Manja de Tudo.
Orçamentos de Laguinhos www.laguinhos.com.br
Monte em instantes o orçamento para seu laguinho.


Filtros Biológicos www.fontesechafarizes.com.br
Veja on-line que custa muito pouco acabar com as algas.


Anti-algas e Anti-Cloro www.filtrouv.com.br
O fim das algas em seu lago.


    
   © 2011 Manja de Tudo.     www.manjadetudo.com.br.     Contribua conosco enviando sua dica, pergunta ou sugestão aqui.