Corujinha 01
Destaques

      Corujinha 02
Ajuda Humanitária.


      Corujinha 03
Animais.


      Corujinha 04
Artesanato de lixo reciclável.


      Corujinha 05
Casa.


      Corujinha 06
Ciência.


      Corujinha 07
Como Surgiu.


      Corujinha 08
Curiosidades.


      Corujinha 09
Drogas.


      Corujinha 10
Ecologia.


      Corujinha 11
Esportes.


      Corujinha 12
Filmes.


      Corujinha 13
Instrumentos Musicais.



      Corujinha 15
Mamães e Bebês.


      Corujinha 16
Maquiagem.


      Corujinha 17
Mitos e Verdades.


      Corujinha 18
Notícia no Mundo.


      Corujinha 19
Novo acordo Ortográfico.


      Corujinha 20
Paisagismo e Jardinagem.


      Corujinha 21
Pescaria e piscicultura.


      Corujinha 22
Politica.


      Corujinha 23
Primeiros Socorros.


      Corujinha 24
Receitas.


      Corujinha 25
Salve o Planeta e a Biodiversidade!


      Corujinha 26
Saúde.


      Corujinha 27
Sexualidade.


      Corujinha 28
Situações Diárias.


      Corujinha 29
Sociedade.


      Corujinha 30
Tecnologia.


      Corujinha 31
Turismo, Lugares, Viagens.


      Corujinha 32
Universo.


      Corujinha 33
Vida e diversidades.


O veneno da abelha vira creme.

Orçamentos de Laguinhos www.laguinhos.com.br
Monte em instantes o orçamento para seu laguinho.


Filtros Biológicos www.fontesechafarizes.com.br
Veja on-line que custa muito pouco acabar com as algas.


Anti-algas e Anti-Cloro www.filtrouv.com.br
O fim das algas em seu lago.

                                                                      


Um laboratório de Tatuí, a 140 km de São Paulo, desenvolveu uma linha de cremes de beleza à base do veneno de abelhas produtoras de mel. O produto aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e lançado comercialmente funciona como um "botox natural" - a pele reage ao veneno aumentando a produção de colágeno e melhorando a elasticidade.

De acordo com o pesquisador e apicultor Ciro Protta, o princípio ativo do cosmético, que também contém pólen e mel, é a melitina, um aminoácido presente no veneno da abelha.

A substância "engana" a pele, transmitindo a sensação de uma picada de abelha e desencadeando uma reação ao veneno. A circulação sanguínea melhora e as peles mortas são eliminadas, reduzindo as rugas.

Ciro Protta pesquisa as abelhas há mais de vinte anos e já desenvolveu outros produtos à base de mel, própolis e veneno, lançados comercialmente. A obtenção do veneno sempre foi um problema: quando uma abelha ataca uma pessoa, ela perde o ferrão e acaba morrendo.

O pesquisador criou e patenteou um equipamento que permite a coleta do veneno sem matar as abelhas. Trata-se de uma haste metálica levemente energizada e colocada na entrada da colmeia. Quando a abelha pousa, leva um pequeno choque e reage com ferroadas, expelindo o veneno que escorre para um recipiente. Como não perde o ferrão, a abelha sai ilesa do ataque.


Por: Ciro Protta

Ana Paula e Equipe Manja de Tudo.

Orçamentos de Laguinhos www.laguinhos.com.br
Monte em instantes o orçamento para seu laguinho.


Filtros Biológicos www.fontesechafarizes.com.br
Veja on-line que custa muito pouco acabar com as algas.


Anti-algas e Anti-Cloro www.filtrouv.com.br
O fim das algas em seu lago.


    
   © 2011 Manja de Tudo.     www.manjadetudo.com.br.     Contribua conosco enviando sua dica, pergunta ou sugestão aqui.